Com a estimativa de mais de (75.000 (Mil) embalagens transportadas para o posto de coleta em São Miguel do Guaporé, São Francisco que já realiza este trabalho pelo quinto ano, tendo sido interrompido apenas no período mais grave da pandemia.

A obrigação por força da Lei Complementar Estadual nº 215, de 19 de julho de 1999, regulamentada pelo Decreto nº 8866, de 27 de setembro de 1999 e, nos termos do Art. 10 da Lei Federal nº 7.802, de 11 de julho de 1.989; da Lei Federal nº 13.726, de 08 de outubro de 2018; dos Arts. 8º e 9º da Lei Estadual nº 1.841, de 28 de dezembro de 2.007; dos Arts. 12, 21 do Decreto 13563, de 14 de abril de 2008 e da Portaria Idaron nº 638 de 29.07.2019;

Torna necessário o produtor rural devolver estas embalagens em postos credenciados, para dá o fim correto a estes recipientes, com esta ação diminui a possível contaminação do meio-ambiente. Salientamos que o município de São Francisco do Guaporé até o momento é o único Município que sustenta esta parceria com os produtores da região, recebendo embalagem até de outros municípios devido a compras terem sido feitas no referido, para o próximo ano serão adotados novos critérios para que este serviço seja realizado.

Esta parceria tem sido de grande importância para o município e principalmente para os produtores, tivemos o apoio com a logística da associação rural de São Francisco que cedeu o espaço para armazenamento das embalagens assim tornou viável para este ano, como já falamos ´já foram transportados 21 caminhões com cerca de 1500 embalagens por viagem e temos ainda mais de trinta viagens aqui para serem transportada, salientou Moises da casa da Lavoura.

Temos que ter esta preocupação por saber que o agronegócio depende destes materiais, então temos que procurar diminuir o impacto no meio ambiente, usando e dando destino certo as embalagens, de forma correta este é nosso maior objetivo relata Marcio Roberto Santana engenheiro Florestal.

Agradeço o empenho de toda equipe de colaboradores da secretaria de Agricultura, bem como os produtores que aderiram este programa, o prefeito Tinoco, o vice-prefeito Jaime Fuentes, e juntos temos obtido êxito em nossas empreitadas dentro desta pasta, e que este trabalho que vem sendo feito já a cinco anos daremos continuidade enquanto estivermos aqui, e melhorando cada dia mais para atender cada vez mais nossos produtores por saber que ao agronegócio é o que sustenta o país, e nossa região está cada dia crescendo nesse seguimento temos que buscar apoiar para crescermos economicamente, desabava Gelasio Cardoso Leal.    

Por: Loderval Romano

Fotos: Na Hora 1